Você está em:

DMAE realiza monitoramento de pressão de redes buscando reduzir perdas

O DMAE utiliza um programa de computador específico para detectar possibilidades de vazamentos e melhorar a vida útil das redes

O DMAE utiliza um programa de computador específico para detectar possibilidades de vazamentos e melhorar a vida útil das redes. Quando a pressão nas redes está muito alta, há um desgaste maior na tubulação, o que aumenta o número de vazamentos e, consequentemente, a perda de água e o desabastecimento, afetando ainda a qualidade da água. Poços de Caldas possui diferenças altimétricas muito grandes, ou seja, alguns pontos são muito mais altos do que outros. Por conta disso, a água necessita passar por bombeamento para subir e chegar até os pontos mais altos e, depois, por válvulas redutoras de pressão para “freá-la” ao descer.

Esse constante aumento e diminuição de pressão devem ser monitorados para atender a norma NBR 12218 da Associação Brasileira de Normas Técnica (ABNT), que recomenda a medida de 10 a 50 metros de coluna de água (m.c.a).de pressão.

Um bairro é interligado a outro, por isso, a primeira fase de trabalhos neste ano compreendeu os bairros Bandeirantes, Centenário, Santa Augusta, Santa Ângela e imediações, atendidos pela Estação de Tratamento – ETA 3. Neste mês, a fase de testes será finalizada com os bairros Morumbi e Jardim Vitória. Esse trabalho visa melhorar o sistema de abastecimento como um todo e gradativamente ajustes serão realizados em todas as redes da cidade.

Segundo o mestre de operações do DMAE, Paulo Silveira, a utilização do software evita a abertura de valas e otimiza os serviços. “Não precisamos realizar uma intervenção na rua para descobrir a possibilidade de vazamentos, porque isso gera custo e acaba causando transtornos à população, com a abertura de valas e a interrupção do abastecimento. Com a simulação, a margem de erro é menor e o serviço fica mais barato e eficiente. Menos pressão significa menos vazamentos e mais vida útil na tubulação”,diz.

Como algumas alterações nas redes já foram feitas com a instalação de válvulas, macromedidores e aparelhos de telemetria, a população dos bairros acima mencionados pode observar a diminuição da pressão em suas casas, causando a sensação de que está faltando água. A água é distribuída normalmente, ocorrendo apenas à redução da pressão.

Telefone

(35) 3697-5000

Endereço

Avenida Francisco Salles, 343, Poços de Caldas - 37701-013

Funcionamento

09:00 às 18:00h de seg. a sex.

ÓRGÃO RESPONSÁVEL

Secretaria Municipal de Comunicação Social