Você está em:

Alunos de quatro escolas municipais são premiados no Programa Cultivando a Mata Atlântica

Giovanna Lindsei de Paula, do 7o ano da Escola Irmão José Gregório, recebeu o seu tablet

A primeira versão online do Programa Cultivando a Mata Atlântica superou as expectativas, com a participação de 168 estudantes dos 7º e 8º anos do Ensino Fundamental de cinco escolas públicas de Poços de Caldas, municipais e estaduais. Deste total, 52 receberam certificados e um aluno destaque de cada escola foi premiado com um tablet, por entregar as atividades no prazo, corretas e com qualidade.

Das escolas municipais foram reconhecidos: Marcella Furtado Fontes, 8º ano, Escola Alvino Hosken; Giovanna Lindsei de Paula, 7º ano, Escola Irmão José Gregório; Larissa Gonçalves Pereira, 7º ano, Escola José Raphael dos Santos Netto, e Isabella Barioni Faustino, 7º ano, Escola Wilson Hedy Molinari, além da aluna Sidália Pietra Vitória do Prado, 7º ano, da Escola Estadual Cleusa Lovato Caliari. As atividades tiveram início no dia 3 de maio, sendo promovidas 15 videoaulas e mais um encontro final virtual para a entrega dos certificados, realizado no dia 14 de setembro. As visitas presenciais ao Parque Ambiental da Alcoa, Jardim Botânico e Zoo das Aves ainda serão agendadas.

Isabellam Barioni Faustino, da E.M. Wilson Hedy Molinari, foi uma das premiadas

“Realizar esta primeira edição online foi um grande desafio, mas repleto de aprendizado”, avalia Maria Cristina Gonçalves, consultora de Assuntos Institucionais da Alcoa Poços de Caldas. “Devido à pandemia, o Programa foi adiado no ano passado, mas este ano achamos que seria muito importante retomá-lo, mesmo que de forma virtual, com o objetivo de despertar os adolescentes sobre a importância de proteger o bioma Mata Atlântica, onde estamos inseridos”, completa.

Para estudantes, professores e representantes da área educacional da cidade, apesar de todos os desafios, os resultados valeram a pena. “Agradeço por mais esta parceria da Alcoa e de todos que se desdobraram e fizeram a diferença para os nossos alunos”, destaca Letícia Borges, da Divisão de Projetos da Secretaria Municipal de Educação. “Foi uma vitória muito grande ver a participação dos nossos alunos, um trabalho enriquecedor. Temos muito gosto de trabalhar junto com a Alcoa e estamos prontos para novas parcerias”, completa.

“Agradeço a realização do Programa, pela importância do tema”, afirma o professor Gabriel Rodrigues, da Escola Estadual Cleusa Lovato Caliari. “Gostaria que mais alunos tivessem participado, mas a circunstância que estamos passando limitou. Porém, se tivéssemos apenas um aluno participando, já teria valido a pena. Espero que esta pandemia passe logo para podermos nos encontrar presencialmente e realizar as visitas”.

A aluna Marcella Furtado Fontes, do 8º ano da Escola Municipal Alvino Hosken, uma das alunas ganhadoras do tablet, falou da importância de ter participado. “Eu amo a natureza e os animais e, quanto mais eu aprendo sobre eles, mais amo. E aprendi muito com o Programa, coisas que eu nem sabia que existiam. Fiquei muito feliz”, ressaltou.

“Conhecimento a gente nunca esquece, foi muito bom o aprendizado”, afirma a aluna Larissa Gonçalves Pereira, da Escola José Raphael dos Santos Netto, outra ganhadora do tablet. “Agradeço, pois aprendi muito”, completa.

Larissa Goncalves, da Escola José Raphael dos Santos Netto, recebeu o seu tablet

 

 

O programa de educação ambiental Cultivando a Mata Atlântica é realizado desde 2014 pela Alcoa Poços de Caldas, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Poços de Caldas, Superintendência Regional de Ensino, Fundação Jardim Botânico, Zoo das Aves e Consultoria Enutrium, e direcionado a alunos do Ensino Fundamental das escolas públicas da região. A iniciativa tem como objetivo ampliar o conhecimento dos alunos sobre a realidade ambiental da região e despertá-los para o bioma Mata Atlântica.

Durante quatro encontros – um por semana, os participantes estudam temas como biodiversidade, biomas e a Mata Atlântica, conservação de recursos naturais (água), importância de preservar a floresta, flora e fauna da Mata Atlântica, comércio ilegal de animais, mineração sustentável, reabilitação de áreas mineradas e o alumínio no dia a dia das pessoas.

 

Marcella Furtado Fontes, Escola Alvino Hosken, é uma das premiadas

Telefone

(35) 3697-5000

Endereço

Avenida Francisco Salles, 343, Poços de Caldas - 37701-013

Funcionamento

09:00 às 18:00h de seg. a sex.

ÓRGÃO RESPONSÁVEL

Secretaria Municipal de Comunicação Social